sexta-feira, 8 de abril de 2011

Tivemos o nosso tempo.

Sinceramente, eu nunca gostei muito dessa tua maneira de ver as coisas, e de mesmo sem termos nada, eu era só tua, enquanto tu? Enquanto tu me alimentavas com uma esperança que ambos sabemos que não me podias dar, mas eu durante seis ou sete meses olhei diante o teu rosto, rosto esse que me alimentava de esperanças, alegria a agora? E agora esse rosto só me trás desilusão, tristeza, mas mesmo assim eu nunca desisti de ti por mais vezes em que me falavam de ti, eu fui forte, por cada vez que passavas por mim com o telemóvel a mandar mensagens e eu olhava para o meu sem ter uma mensagem tua, mas eu aguentava até que à noite eu chorasse agarrada à minha almofada, sem ninguém me ver.. Porque ai, eu tinha a certeza que ninguém me ia dizer ''viste Sara eu avisei'', enfim, eu esperei por ti, isso tu não podes negar, eu LUTEI por ti, eu sofri, mas sem nunca desistir. E agora? e agora meu amor, eu tenho uma coisa para te dizer ''Eu hoje fartei-me de esperar por algo impossível, e por isso eu digo-te muito sinceramente que espero que tu sejas muito feliz que eu também estou a fazer por isso..'' Porque eu agora estou a começar a conhecer alguém que eu muito sinceramente nunca esperei, mas até estou a gostar, pois ninguém me tratava assim há muito tempo, eu não gosto dele, mas acho que provavelmente isso vai mudar, eu sei, eu sei que é horrível, nojento o facto de vocês serem amigos, e eu não fico feliz por isso, simplesmente começámos a falar e a coisa aconteceu, quero te dizer que agora eu já não vou esperar mais por ti, mas também, se precisares de alguma coisa eu vou ajudar-te, vou mesmo, porque eu? Porque eu já guardei remorsos suficientes da tua parte, e agora acho que isso é desnecessário, claro que não vou gostar de ver as pessoas (raparigas) a falar de ti, mas vou ter que me habituar, como sempre o fiz, e qualquer coisa, basta eu ouvir alguém a falar mal de ti que eu te vou defender, prometo, porque eu realmente amo-te como nunca amei ninguém, eu venerei todos os momentos que passei contigo, mas pronto, meu amor tivemos o nosso tempo, tempo esse que já ninguém nos vai tirar, e que agora não passa de uma recordação, de um pensamento, que ficou na minha cabeça, no meu pensamento, na minha mente, porque eu agora, não vou deitar nem mais uma lágrima por ti, eu esperei durante muito tempo mesmo, e tu sabes disso.. Bem, por fim, provavelmente eu vou deixar de te escrever no meu blog, mas sempre que o teu nome for o único em que penso, vai ser sobre ti que vou escrever.

P.s: Espero realmente que sejas mesmo muito feliz.
 Peço desculpa, mas isto foi só mesmo um desabafo, e tinha mesmo que o escrever..

1 comentário:

  1. Faz bem desabafar,o teu blog é muito giro!As imagens são loucas!Adorei.

    ResponderEliminar

LIBERTA-TE! :)