quarta-feira, 6 de abril de 2011

Sei que só passaram 24 horas, e continuo furiosa contigo, sem vontade de te ver, sem nada, mas ontem acho que (finalmente) te deixei (eu!) de responder, e nem sabes o quão bem, eu me sinto por isso, mas o que é certo, é que sem saber porque eu (acho que) voltei a sorrir, de uma outra forma, de não me preocupar contigo, já não estou presa a ti, mas para ser sincera, acho que já não o estou à muito tempo.. Mas agora, acho que decidi fazer uma coisa que nunca pensei vir a fazer, e ele? Ele está a tornar-se bem diferente de ti, eu não gosto dele mas.. Nunca esperei ver da parte dele o que de ti já não via à muito tempo, e eu até estou a gostar, porque por um lado, já ninguém me tratava assim à muito tempo, porque em duas ou três mensagens tratou-me melhor do que tu, num dia inteiro, eu continuo a afirmar que te amo, como sempre, que te quero, como não quero a mais ninguém, e que ainda és algo mesmo MUITO importante para mim... Mas eu decidi, que não vou esperar mais por ti, estar presa a alguém que me mudou por completo, mas que também mudou muito. Acho que hoje, eu te vou esquecer de vez, e não vou prometer a mais ninguém, senão a mim mesma, porque quem sabe, se o que ele me está a dar, não se vai tornar mais do que tu me dás, que neste momento é nada, mas também duvido muito disso, sim, eu já o tinha visto à muito tempo, quando eu ainda era uma criança do 5º ano, mas também acho que nunca senti nada por ele, como também não sinto agora, e mesmo se já alguma vez o tivesse sentido, também não podia, porque aquela a quem eu chamei de melhor amiga, tinha uma panca por ele, e eu não podia fazer nada com isso.. Mas agora, já nada me impede, também não sei se o quero, mas acho que pela primeira vez, eu vou tentar, porque ficar presa a ti, eu garanto que não fico.. Eu sei, eu sei, que ele tem muitos defeitos, sim e eu que sou rapariga sei disso, mas tal como eu sou rapariga ele é rapaz, pronto.
Mais uma vez eu volto a repetir, que estou a falar nele e nem gosto dele, e acho que tão cedo (depois de ti) não vou gostar, mas o que é certo é que mesmo sem pensar nele dessa forma, eu penso, a imagem dele aparece-me, tal como hoje, mas depois ao olhar para ela, eu penso ''Ela foi a minha melhor amiga durante dois anos e será que lhe devo fazer o que estou a fazer?'' Mas depois começo a pensar no que ela me fez e não me arrependo de nada, do que até então eu fiz, sim eu fico irritada cada vês que me chamas bebé ou linda, mas não sei porque é talvez, por nos termos conhecido à 24horas é tu já tenhas confiança para isso, isso irrita mesmo! Mas no fundo, eu talvez goste ou comece a gostar, não, não dessa maneira, mas gostar noutro sentido, talvez agora te considere um amigo, quer dizer, agora não, mas talvez te tornes, eu não sei, porque ainda não te conheço e tenho medo de me arrepender de te estar a escrever isto tudo, mas é realmente o que agora (talvez) eu estou a sentir, mas por agora ficamos amigos, e depois logo se vê, porque não vou voltar a cair no erro de fazer planos para o futuro.
P.s: Espero realmente que depois de tudo, sejas muito feliz, que eu também vou fazer por isso..
E espero realmente não estragar a vossa amizade, mas duvido que isso aconteça.

Sem comentários:

Enviar um comentário

LIBERTA-TE! :)