sexta-feira, 29 de abril de 2011

Desculpa, desculpa se quis pôr um ponto final a isto que tínhamos, desculpa se nem sempre fui quem tu querias que fosse, mas sempre sobes-te os porquês, eu não queria, e acredita, que estou super arrependida do que se está a passar, e da escolha que fiz, se tivesse uma hipotese de voltar atrás, sabes que voltava, e que a primeira coisa que fazia era ir a correr ter contigo, desde o primeiro momento em que isto tudo aconteceu, mas agora sei que já não vou ter oportunidade de voltar atrás, tu seguis-te o teu caminho, e eu vou ter que seguir também o meu, mas custa-me tanto, e é tão dificíl o que se está a passar, a dor que tenho ao passar por ti, e não te poder dizer nada, ao passar por ti e ver que baixas o rosto assim que apareço, custa-me mesmo, mas vou ter que me habituar... Ontem subitamente ao anoitecer, depois disto tudo, caíram-me as lágrimas aos olhos, não me consegui conter, sinto uma enorme desilusão dentro de mim, e uma enorme frunstração, ao saber que este tempo todo em que falávamos, e tu me fazias feliz, não passaram apenas disso e de um beijo, eu sei, eu sei que por uma parte a culpa foi minha, mas tu também não me tentas-te ajudar assim que te pedi, não o fizes-te por nós, nós esse que agora não passa de simplesmente nada, senão as minhas lágrimas constantes que carrego no rosto, um desconforto enorme, agora que de ti já não tenho nada.
E eu? E eu agora vou ter que aprender a lidar com isto, a seguir em frente, como sempre o tenho feito até agora, vou ter que aprender a não te mandar uma única mensagem a dizer que tenho saudades, e que te quero mais que nunca, agora vou ter que guardar para mim todos os meus sentimentos que em tempos partilhei contigo... E esta vontade de te ver vai ter que desaparecer, vou ter que ultrapassar, como tu provavelmente o fizes-te, e não vou dar como rumo chorar sempre que me apetece, de estar nas aulas a pensar em ti, e de chorar a meio de uma aula ao pensar que tudo isto acabou, pois eu não sou assim, e se nunca o fui também não é agora que o vou ser...

E para concluir, quero que saibas que mesmo que eu tenha dado um pondo final a isto tudo, eu vou continuar a amar-te como até agora o fiz, e se alguma vez vieres ter comigo e pedir para falar sobre isto, eu te vou sorrir e dizer que sim, amo-te e tenho pena de isto tudo ter acabado...

9 comentários:

  1. Obrigada meu amor, o teu está super giro, tu bem dizias que o ias mudar quando as aulas recomeçassem, e aqui está ele, super bonito. Cada vez melhor querida :) tens tanto jeito, passo a vida aqui, acredita! Mil beijinhos!

    ResponderEliminar
  2. Sempre querida, (:
    sabes uma coisinha? lembras-te daquela pulseira que te tirei? ainda a tenho no pulso, à imenso tempo!

    ResponderEliminar
  3. Pois foi e ainda a tenho fofinha, nem eu nem tu lá estamos x)

    ResponderEliminar
  4. ooh que lindoo ... espero que nao te estrague a vidaa ! As vezes quando eskecemos a pessoa que tanto juravamos amar e nos aparece alguem melhor .. é quando a outra dá valor do que perdeu :)

    ResponderEliminar

LIBERTA-TE! :)